Trendelenburg

17/12/2014 – Despertei de madrugada com um desprendimento corporal acontecendo. Minhas pernas já haviam desprendido e meus braços também, já podia movê-los com o corpo astral e já ouvia vozes de um outro plano, porém algo ainda me mantinha preso pela cabeça. Sentia uma pulsação energética na nuca. Algo me prendia por dentro da cabeça, na parte inferior traseira do cérebro. Eu queria sair voando mas não conseguia. Posso comparar como se eu tivesse cabelo comprido e o cabelo estivesse amarrado tipo “rabo de cavalo” que alguém segurou impedindo que eu seguisse. Eu forçava a saída porém sem sucesso e então me dei conta de que se tratava do cordão de prata. Eu podia senti-lo enraizado no meu cérebro extrafísico e como uma corda que, estendida, não permitia o avanço. Fiquei com todo o corpo flutuando, porém com a cabeça presa devido a ação do cordão de prata.  Foi a minha primeira constatação pessoal da existência deste impressionante fio energético.

Nota: Particularmente, é muito comum no princípio das minhas projeções, ocorrer o desprendimento dos meus membros inferiores e depois dos superiores e no final o da cabeça. Nesta ocasião relatada acima, minha cabeça não se desprendeu, sendo mantida junto ao corpo físico durante todo o tempo. Isto pode ser explicado por fatores como, insegurança, tensão, ação energética do duplo etérico, etc. Neste caso específico, ocorreu devido à insegurança que tive para sair do corpo, pois logo que minhas partes começaram a se desprender, comecei a ouvir sons desagradáveis, de muitas vozes numa sinfonia sinistra, que me assustou um pouco. Mesmo querendo sair para verificar o que se passaria naquela ocasião, minha insegurança serviu de estímulo para o bloqueio energético promovido pelo cordão de prata, que não cedeu e me manteve preso pela cabeça.

Quanto ao nome Tredelenburg, é referência ao médico alemão Friedrich Trendelenburg criador de uma posição utilizada nas cirurgias da região genital e ventre femininos, onde o corpo deitado fica com os pés elevados a um ângulo de 45° em relação à cabeça. Esta posição foi batizada pelos cirurgiões da época como Posição de Trendelenburg e assim este nome se mantém quando se trata deste tipo de posição.

2 comentários em “Trendelenburg

Adicione o seu

  1. Olá, tudo bem? Esta noite tive um experiência parecida com a sua. Mas confesso que ainda estou confusa rsrs…sobre o que exatamente aconteceu. Era como se eu tivesse despertado aí percebi que os meus membros inferiores do corpo astral tivessem se desprendidos, mas a minha cabeça continuava presa no corpo físico. E tinha um barulho muito alto, como se fosse um apito. Então na hora bateu aquela ansiedade e comecei a fazer força para sair totalmente do corpo, mas não conseguia e já estava exalta e acabei perdendo a experiencia.

    Sempre que fico deitada mexendo as energias, sinto uma pressão muito forte na cabeça. O que pode ser?

    Curtir

    1. Oi Angélica, tudo bem? você teve uma descoincidência do corpo astral em relação ao físico mesmo. Seu corpo astral se desprendeu e ficou pairando, porém, sua ansiedade/medo/incerteza a manteve presa ao corpo pela cabeça – ação do cordão de prata. Da próxima vez, pense em levar a mão à sua nuca para pegar o cordão de prata, será surpreendente. Quanto a pressão na cabeça, pode ser ativação de chakra, das glândulas pineal/pituitária. Se for uma pressão na nuca é quase certo que seja a pressão do cordão de prata na base da nuca onde ele está instalado. Obrigado pela visita e volte sempre!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: